sábado, 21 de março de 2009

Cancela a depilação!

Uma mulher que cuida do essencial (cabelo/unha/depilação) deve gastar, por mês, em torno de 100 reais (ou mais). Todo esse prejuízo investimento tem por objetivo o óbvio: ficar cocota e arrumar um maridão rico lindão, que te ame rico e seja honesto rico.

Crescemos com essa idéia de "manutenção da beleza" presente em todos os lugares. Nossas mães dizem "tira essa rasteira, coloca um salto" ou "tu vai sair com o cabelo assim? Tem escova de cabelo não menina?" e assim vamos vivendo nossas vidinhas de escravas da estética.

Passei 19 anos sendo martelada com isso, pra chegar hoje e ler a seguinte matéria:

A norte-americana Vivian Wheeler, de Wood River, no estado de Illinois (EUA), é insuperável quando o assunto é barba. É dela a maior barba feminina do mundo. Quando seu recorde foi homologado, em 2000, os maiores fios mediam 27,9 centímetros.

Seu pai garante que ela começou a se barbear aos 7 anos. Ela abandonou as lâminas em 1993, com a morte da mãe, e deixou a natureza tomar seu curso natural. Apesar do visual chocante, Vivian teve quatro maridos, com os quais teve três filhos.

-Êêêê lá em caaaaaaasa....

Quatro maridos, i said QUATRO MARIDOS! Tudo isso com uma barba de quase 30 centimetros. Entenderam amigas-leitoras-que-gastam-horrores-pra-ficarem-decentes-pros-cocotos? Economizem o dinheiro da depilação e se joguem, vamos montar uma excursão pra Wood River porque lá a solteirisse é um mal só das depiladas.

(Direcionada - http://g1.globo.com/Noticias/PlanetaBizarro/0,,MUL1051988-6091,00-AMERICANA+OSTENTA+A+MAIOR+BARBA+FEMININA+DO+MUNDO.html)

3 comentários:

Brunu disse...

Prova de que, nesses momentos turbulentos, a beleza interior ainda existe! que lindo!!

If 6 was 9. disse...

Paraíba masculina mulher macho sim senhor. Mas, nada que uma mac3 + consultas com o dr. Ray, bisturis, mangueiras sugadoras de banha e lipoescultura não resolvam. E um desodorante também... pq se a fuça é desse jeito, imagina como é o suvaco da monga!

JoãoMendes disse...

eXcarrei.. fiquei com medo dela, sério.