terça-feira, 16 de junho de 2009

Papo de mulher aê!

Hoje, enquanto tomava minha sopinha sagrada de todas as noites, fiquei viajando num comercial de absorventes. Infelizmente não consigo lembrar a marca, mas o conceito era o de sempre: mulher feliz andando na rua, super confortável com seu absorvente entre as pernas.


- Tu jura que rola usar um vestido desses e fazer essa pose?

Na boa, papo sério de mulher aê: menstruar não é legal e não há absorvente neste mundo que faça uma mulher andar pelas ruas como se aquilo fosse a coisa mais maravilhosa do universo, não dá.


- Arram, tá...

E vários são os motivos:

1- A mulher incha igual a uma esponja de lavar louça. Logo, nenhuma daquelas roupas que geralmente nos deixam cocotas do funk irão dar jeito. Nesse caso a solução é colocar uma roupa feita de saca de farinha e sair de casa no mode MUNDO ME ACEITA fodassi on.

2- Na maioria das vezes, espinhas explodem em nossas caras. Haja maquiagem/massa corrida pra disfarçar... E nem disfarça na verdade, é triste. A mulher sabe que tá com cara de palhaça, mas se obriga a acreditar que aquela espinha está escondida e ninguém percebeu.

3- TPM. Ponto. TPM = impossível andar com felicidade estampada no rosto.

Entenderam agora?

ABAIXO AOS COMERCIAIS DE ABSORVENTES COM MULHERES MAGRAS E FELIZES!

Eu quero ver mulher roliça, muito fula da vida indo comprar absorvente na farmácia.



Ufa, me abraça.

---------------------------------------------------

UPDATE:

André disse...

impossível , não vende...

mesmo que fazer comercial de creme dental, com dentes que não brilham no escuro.

Nhé... Não falo por todas, mas acho que a maioria das mulheres compra absorvente na sorte (mais barato/mais confortável) e não por causa do comercial, mas mesmo assim eu entendo que não venderia... uééén!

9 comentários:

Jack disse...

hj mesmo li algo envolvendo always e tpm: http://bit.ly/a3qUg mui foda.

Fabiano disse...

Sou solidário ao sofrimento das mulheres nesse período.
Lembro da primeira vez que vi um absorvente interno e perguntei pra dona, inocentemente, como se usava aquilo.
Desde então parei de reclamar da irritação das mulheres de TPM. Se elas podem suportar aquilo por uma semana, eu posso suportar o mal-humor delas.

Fabiano disse...

Ah, é claro...no momento da explicação só imaginava o antigo método de aplicação de flúor nos dentes, quando a gente ficava com a boca entupida de gazes, louco praquilo acabar logo. ¬¬

André disse...

impossível , não vende...

mesmo que fazer comercial de creme dental, com dentes que não brilham no escuro.

If 6 was 9. disse...

É o syn/sym. Algo do gênero. Aquele comercial é xibata. Digo mais não da pra acreditar nas mulheres. Porque todos os bichos que sangram por mais de meia hora morrem. Como a gente pode acreditar em algo que sangra dias a fio e fica de buenas? Papo! Deve ser difícil ser mulher mesmo: Menstruar, depilar,ter cólica, não ter cabelo xibata e passar horas no salão, ficar grávida, ter o alien. Vocês são mais machos que os próprios machos.

If 6 was 9. disse...

O cara que fez o dermacyd é muito gente boa. x)

MISAEL disse...

AEe!!! gostei do post, entendendo um pouco do que as mulheres sentem!!.
Quanto a essas propangandazinhas utopicas fazendo algumas pessoas alienarem-se nesse processo de consumo lunático enganador e falso,com essa felicidade estampada na cara impossivel (com tpm) como o próprio post da autora afirma, não dar!!!....permita-me tbm lutar pela causa das mulheres:"ABAIXO AOS COMERCIAIS DE ABSORVENTES COM MULHERES MAGRAS E FELIZES!

pertedetemps disse...

TPM à parte (pilula é antítodo para esse mal... hihi) ADOREI o blog! Não tô muito por dentro do que rola no Brasil, muito menos nas propagandas, mas achei divertidíssimo!

Camilla disse...

Menine quanto macho comentando esse post. Aqueles que bem sabem dessa desgraça mensal né. A-HAM!

Menopausa devia vir mais cedo, bjs.